Tentação sem limites - Abby Glines

domingo, 17 de agosto de 2014

Autora: Abbi Glines
Editora: Arqueiro
Páginas: 195

A vida de Blaire Wynn não foi nada fácil. Sua irmã gêmea morreu muito cedo, seu ex-namorado e melhor amigo a traiu e ela precisou cuidar da mãe doente até o último dia de sua vida. Depois de tanto sofrimento, o que ainda seria capaz de machucá-la? O terrível segredo de Rush Finlay. Depois de se apaixonar perdidamente por ele, Blaire descobriu algo cruel que destruiu para sempre o mundo que conhecia. Agora ela está mais sozinha do que nunca e precisa recomeçar a vida longe de todos que a feriram. O único problema é que não consegue deixar de amá-lo. Rush Finlay também não sabe o que fazer. Apesar das tentativas dos amigos e da família para animá-lo, o rapaz segue desolado. Ele já não quer saber da vida que levava, regada a festas, bebidas e mulheres. É atormentado pelas lembranças de um sentimento que jamais imaginara que fosse conhecer e que não pôde ser vivido plenamente. Nem Rush nem Blaire imaginavam que seus universos pudessem se transformar de forma tão radical. Porém, a maior reviravolta das suas vidas ainda está por vir. E ela será tão intensa que obrigará Blaire a engolir o orgulho, voltar a Rosemary, na Flórida, e enfrentar seus inimigos. Rush por sua vez, terá que lutar para consertar seus erros e se provar digno da confiança e do amor dela. 

Este é o segundo da série Sem Limites e você pode ler a resenha do primeiro livro aqui. (A resenha pode conter spoilers do primeiro livro).

Tentação sem limites começa do ponto onde parou o primeiro livro, após Blaire descobrir um segredo que Rush escondia e que mudou a vida de ambos e causou a separação do casal. O primeiro capítulo começa há 13 anos, quando Rush descobre algumas coisa e durante boa parte do livro nós tomamos conhecimento de como as coisas aconteceram. 


Blaire voltou para sua cidade e foi morar na casa de sua avó e de seu primeiro namorado Cain e Rush ficou abatido, parando com a vida de festas e bebedeiras. Até que devido a vários fatos, Blaire volta para Rosemary Beach, onde divide um apartamento com sua amiga Bethy.

"Foram três semanas, quatro dias e doze horas desde que eu a via pela última vez. Desde que ela destruíra meu coração. Se eu estivesse bebendo culparia o álcool. Devia ser uma ilusão desesperada. Mas eu não tinha bebido. Nem um gota. Não havia como confundir Blaire. Era ela. Blaire estava de volta a Rosemary. Estava de volta à minha vida". Pág. 42.

Ruch tenta reconquistar Blaire, mas ela tem medo de se envolver e se magoar novamente. Devido a outro fator, eles se reaproximam e tentam dar mais uma chance para o amor dos dois, mas muitas outras coisas acontecem para atrapalhar o romance.

As mesmas coisas que me incomodaram no primeiro livro continuaram me incomodando neste segundo. Apesar de ter gostado da história quando eles estavam separados e com Rush tentando reconquistar Blaire, achei que as coisas aconteceram rápido demais. 

Blaire, que várias é descrita como forte e independente aceita muito facilmente as coisas que Rush impõe. E alguns dramas são muito novela mexicana. Sabe aquelas coisas que não parecem nada demais, mas que as pessoas dão muita importância como se fosse o fim do mundo? Tipo isso. Tudo bem que pessoas apaixonadas as vezes ficam cegas e burras, mas as atitudes dos dois várias vezes me incomodaram.

As cenas hot continuam e também tem várias coisas bregas. não consigo entender como alguém acha sexy as coisas que o Rush fala ou faz. 

O ponto positivo continua sendo a narraçao, que é intercalada entre Rush e Blaire, e é bacana porque dá pra ter a visão dos dois lados. Os personagens secundários também são ótimos. Woods conseguiu me conquistar nesse livro, porque apesar de ter uma atração pela Blaire e não saber até que ponto as coisas que ele faz são por interesse, ele ajudou bastante ela quando ela precisava. Bethy também está bem mais madura nesse livro e gostei da forma como a história dela, inclusive a romântica, se desenvolveu. 

A narrativa é bem leve e dá para ler o livro em um ou dois dias. Apesar de querer bater nos personagens principais, alguma coisa nessa história ainda me atrai para querer terminar a série, até porque a autora sabe construir as cenas de forma que a gente queira saber o que acontece em seguida (na esperança que os personagens amadureçam e parem com essas birras e dramas).

Já vi várias resenhas positivas e acho que o grande problema para mim foi não conseguir me envolver ou mesmo gostar dos personagens principais, pois há quem ame o Rush e acho que isso ajuda a se envolver mais na história. Então acho que esse é o caso em que vale a pena ler para tirar suas próprias conclusões. 

Comentários via Facebook

7 comentários:

  1. Oi Gláucea, que pena que o livro tem esses pontos que não agradam tanto. Ainda assim, a maioria das resenhas que leio são positiva, especialmente quanto à narrativa da autora, que prende e faz a leitura fluir. Leria, ainda que com esses pequenos pontos.

    Beijos

    ResponderExcluir
  2. Olá Glaucea :)
    Então, eu não curto muito esse gênero, então não sei se leria, quem sabe um dia. Adorei a sua resenha pro livro. É uma pena quando não conseguimos nos envolver com os personagens principais, não faz nada bem pra leitura.

    Beijos, Vanessa.
    This Adorable Thing
    http://thisadorablething.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Oi flor,
    Tenho que concordar com você sobre o Rush infelizmente ele não me conquistou não. Achei ele totalmente possessivo demais...affs...e a Blaire parece que bateu a cabeça em algum lugar nesse livro mesmo, por aceitar tudo assim, mas como você disse a autora sabe prendero leitor e estou ansiosa para conhecer a história do Woods pois desde o inicio ele foi o personagem que me conquistou.
    Beijos
    Raquel Machado
    Leitura Kriativa

    ResponderExcluir
  4. Glaucea, é realmente um problema quando a gente não simpatiza com os personagens principais... isso prejudica no nosso envolvimento com a trama, como você mesma disse. Mas no geral consegui encontrar pontos positivos em seus comentários... ainda não li essa série, mas tem sido bastante comentada na blogosfera. Vou pensar se confiro...

    Abraços.
    http://universoliterario.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  5. Sou completamente apaixonada por essa série e pelo Rush! E o segundo livro, na minha opinião, é o melhor, por causa do que acontece com Blaire e tals! Eu e as minhas amigas estamos completamente apaixonadas! hahaaha

    Beijos,
    Caroline, do criticandoporai.blogspot.com

    ResponderExcluir
  6. eu ainda não li apesar de minhas amigas adorarem essa série, quando eu terminar de ler os que estão na fila eu dou uma olhada nesse livro.
    http://blogradioactive.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  7. Oi Glaucea!
    Ainda não consegui me animar para ler esse série, acredito que seja porque eu não gosto muito do gênero.

    Beijos,
    http://www.epilogosefinais.com/

    ResponderExcluir